A Companhia

Adicionar aos Favoritos

Histórico

Linha do Tempo da Companhia

Fonte: Companhia

Nota: (1) Título lastreado em recebíveis imobiliários

 

Em 1977, a Helbor foi constituída por Henrique Borenstein junto de nove sócios fundadores, sob a denominação de Helbor Empreendimentos Imobiliários Ltda. Desde o início das operações, a Helbor já entregou quase 38 mil unidades e lançou mais de 6,0 milhões de m². Depois de desenvolver mais de 20 empreendimentos com sucesso em Mogi das Cruzes (SP), sede da Companhia, a Helbor iniciou a diversificação de sua atuação com lançamentos na cidade de São Paulo a partir de 1997.

Em 2002, a Helbor inaugurou a filial na cidade de São Paulo. Cinco anos mais tarde, a empresa foi transformada de uma sociedade limitada em uma sociedade por ações, passando à denominação social Helbor Empreendimentos S.A. Em outubro do mesmo ano foi feita uma oferta pública de ações, a qual captou R$ 232 milhões, passando a ser negociada no Novo Mercado da Bolsa de Valores de São Paulo sob o código de HBOR3. Em 2010, a construtora Helbor aprovou um aumento de capital da companhia no valor de R$ 150 milhões para manter uma adequada estrutura de capital em função das oportunidades de desenvolvimento de novos projetos, aumentar os investimentos para fazer frente à crescente competitividade no setor imobiliário e expandir a atuação da Helbor para outras regiões do país. Tal aumento de capital marcou o início da forte expansão geográfica da companhia em termos de aquisição de portfólio.

Um ano depois, o Grupo Suzano, que já fazia permuta de alguns de seus terrenos com a Helbor há cerca de dez anos, enxergou uma perspectiva de crescimento no setor. Por meio do seu afiliado, IPLF Holding, ele assinou com a incorporadora Helbor uma parceria para estrear no mercado de construção. Juntas, elas formaram a Alden Desenvolvimento Imobiliário, responsável por incorporações e loteamentos de empreendimentos imobiliários residenciais e comerciais em todo território nacional. Já em 2013, a Helbor consolidou suas operações em outras cidades e segmentos, lançando os projetos com suas parceiras.

O período entre 2016 e 2017 foi marcado por forte crise econômica no setor imobiliário. Em consequência disso, os acionistas apoiaram a Companhia através de novos aumentos de capital, sendo um de R$ 120 milhões, em 2016, e outro de R$ 264 milhões, em 2017. Também em 2016, houve a criação da HB Brokers, entidade própria de corretores da Helbor, que promove a venda de empreendimentos da Helbor e conta com mais de 400 corretores, e foi responsável por 68% das vendas da Helbor nas praças onde operou nos 7 primeiros meses de 2019.

A partir de 2018 se inicia um novo ciclo de crescimento dentro da Companhia. A Helbor investiu em parcerias estratégicas visando um novo ciclo de geração de caixa. O modelo de parcerias, em especial através da emissão de Certificados de Recebíveis Imobiliários lastreados em unidades anteriormente em estoque e em contratos de aluguel com parceiros, foi essencial para reforçar o caixa da Helbor, rentabilizando as unidades anteriormente em estoque e eliminando as despesas de manutenção e de propriedade destas unidades.

O atual ano de 2019 está sendo marcado pela geração de caixa, venda de estoque e melhora nos níveis e perfil da dívida da Companhia. O gráfico abaixo ilustra a posição de estoque pronto da Companhia e a redução dos canteiros de obra. Além disso, destaca-se o histórico de pagamento de dividendos de R$ 720 milhões desde 2010, ajustado pela inflação no período.

 

Estoque Pronto, Canteiros de Obra e Pagamento de Dividendos

Fonte: Companhia

Notas: Estoque finalizado do 2T19 ajustado em R$ 215 milhões, referente a imóveis arrendados reclassificados de estoque para imóveis de investimento; (2) Ajustado pela inflação entre o mês de maio de cada ano do pagamento de dividendos, a partir de 10 de maio à 19 de junho; (3) De acordo com o estatuto da empresa, o pagamento pode ser inferior a 50%, considerando os termos e condições descritos no estatuto da Companhia

logo Helbor sinta-se em casa
RELAÇÕES COMINVESTIDORES