Vantagens Competitivas

Equipe

A Helbor possui uma estrutura altamente eficiente, com 283 colaboradores em 2 unidades. Assim a companhia tem capacidade de desenvolver simultaneamente diferentes projetos em diversas localidades. Além disso, seus executivos possuem vasta experiência, inclusive nos mercados financeiro e de crédito, e sua equipe tem expertise no mercado de incorporação.

Landbank

O land bank da companhia é bem diversificado tanto geograficamente quanto por segmentos de renda. Além disso, a Helbor desenvolve empreendimentos com um VGV (Valor Geral de Vendas) médio inferior a R$ 80 milhões, o que permite reduzir os riscos por meio da diversificação. No primeiro trimestre de 2019, o land bank total da empresa somou R$ 5,4 bilhões, sendo R$ 3,8 bilhões a parte referente à Helbor. As imagens abaixo detalham o land bank (% Helbor) por segmento e região:

SEGMENTO PREÇO DA UNIDADE % PARTE HELBOR
Médio-Baixo < R$250 mil 100,0%
Hotel 89,0%
Alto > R$ 1 milhão 65,0%
Comercial 69,0%
Médio-Alto R$ 600 mil – R$ 1 milhão 79,0%
Médio R$ 250 – R$ 600 mil 80,0%
REGIÃO % PARTE HELBOR
Sudeste 89,2%
Centro Oeste 5,9%
Sul 5,0%
Foco (Incorporadora Pura)

A Helbor, desde sua fundação, adotou um modelo de atuação único no setor, ou seja, a incorporação pura. Isso significa que as atividades de construção dos empreendimentos e venda das unidades ficam a cargo de parceiros locais especialmente selecionados por sua grande experiência. Ao atuar somente com a incorporação de empreendimentos, a Helbor pode aproveitar oportunidades em diversas regiões e atuar em todos os segmentos, maximizando a criação de valor da companhia e otimizando a gestão de caixa.

Parcerias

Atuação ao lado dos principais players locais, como construtores e imobiliárias, é fator chave de sucesso, pois permite à aplicação de técnicas e modelos da Helbor bem-sucedidos. Um grande exemplo de sucesso neste modelo de negócios foi o empreendimento Helbor Victoria Home Club, em parceria com a construtora Camilotti e as imobiliárias Loocau e Anage, em Joinville (SC).

Marca Forte e Inovação

Fundada há 42 anos, a Helbor é uma empresa sólida e tradicional, identificada pela qualidade e pontualidade na entrega dos empreendimentos e reconhecida por inovar na concepção de produtos e identificação de tendências. Esses valores são reconhecidos pelos prêmios obtidos pela companhia nos últimos 10 anos.

Prêmio Top Imobiliário

A Helbor conquistou o Prêmio Top Imobiliário, promovido pelo jornal O Estado de S. Paulo, em nove edições. Com base no ranking desenvolvido pela Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio (Embraesp), que avalia o volume de lançamentos imobiliários na Grande São Paulo, a Helbor foi vencedora do Top em 2002, 2004, 2005, 2009, 2010, 2011, 2013, 2014 e 2015.

Prêmio Master Imobiliário

A Helbor também já venceu por sete vezes o Prêmio Master Imobiliário, organizado pelo Sindicato da Habitação (Secovi-SP) e pelo Capítulo Brasileiro da Federação Internacional das Profissões Imobiliárias (Fiabci-Brasil), com os cases dos empreendimentos: Helbor Home Flex Premium (2005), na Rua Frei Caneca em São Paulo (SP), por sua contribuição à revitalização daquela região da cidade; Aton Business Style (2006), o mais moderno edifício comercial já construção em Goiânia (GO); Helbor Offices Norte-Sul (2009), edifício comercial em Campinas (SP) com 238 salas comerciais vendidas num só dia, antes do lançamento; complexo imobiliário Casa das Caldeiras (2011), onde foi desenvolvido o projeto de Responsabilidade Social “Mestres da Obra”, que ensina arte aos trabalhadores da construção civil; e o Helbor Concept (2012), um complexo multiúso (comercial, corporativo e residencial), que foi desenvolvido ao lado do Mogi Shopping, em Mogi das Cruzes (SP), e que teve suas 472 unidades vendidas em apenas sete horas, valorizando o mercado imobiliário da região. Os dois últimos prêmios conquistados foram em 2019, com o Helbor Wide São Paulo (339 apartamentos residenciais, 170 quartos de hotel Hilton Inn, 11 lojas e salas de cinema Cinemark) e HBR Corporate Tower (torre corporativa na Av. Faria Lima com 17 pavimentos e 22,8 mil m2 de área construída), também em São Paulo.

Experiência e Track Record

O histórico de longa data da Helbor permitiu que a Companhia adquirisse experiência e conhecimento para definir sua atual estratégia de operação, de forma a se concentrar em áreas e segmentos que possuam melhor rentabilidade.
Anteriormente, a Companhia estava adotando o movimento de diversificação geográfica para várias cidades do Brasil, com projetos com VGV maiores e maior número de unidades construídas, nos segmentos residencial, comercial e hoteleiro. O processo de venda até então era realizado através de corretoras terceirizadas, geralmente mais focadas na venda de lançamentos, modelo de operação menos eficiente para venda de estoque pronto. Além disso, a Companhia possuía um perfil de dívidas concentrado em financiamentos imobiliários (“SFH”), com custos mais elevados e menor tempo médio de duração da dívida, quando comparado ao perfil atual das dívidas.
Diante do cenário macroeconômico global e do momento econômico do Brasil, a Helbor passou a ter como foco principal projetos de unidades residenciais com menor VGV, entre R$ 90 milhões e R$ 120 milhões atribuíveis à Helbor, buscando sempre não perder a flexibilidade para lançamentos customizados dentro ou fora do estado de São Paulo, onde a Companhia identifica um alto potencial de geração de valor e retorno para os acionistas, como o exemplo dos lançamentos do Wide e do W hotel. A cidade de São Paulo é o foco geográfico principal, assim como a região da Grande São Paulo, onde a Companhia considera lançamentos oportunísticos onde a Helbor tem um bom histórico de vendas e parceiros com capacidade operacional comprovada.
Na frente comercial, a Companhia criou a HB Brokers, corretora própria com flexibilidade para vender estoques e novos lançamentos, de acordo com o posicionamento estratégico da Companhia.
A eficiente gestão de passivos é evidenciada com o sucesso na emissão de Certificados de Recebíveis Imobiliários que contribuíram para o aumento do tempo médio de duração da dívida e também na redução do custo médio de dívida.